quarta-feira, 23 de maio de 2018

Foto
Drama na Terra Santa!

havia um homem muito religioso que ganhou numa tômbola da 
sua paróquia, 3 passagens para visitar Jerusalém.

Chegou em casa, todo entusiasmado e contou para a esposa.
Disse para ela começar a preparar as malas enquanto ía ligar à 
mãe dele. 

Aí, a esposa começou a discutir:
- A tua mãe?? Mas porque motivo?!? Porque não vai antes a MINHA
  mãe? Afinal, a MINHA mãe vai à missa todos os dias, é uma
  católica convicta, e a TUA mãe não liga nada à Igreja ou a 
  Jesus...

... e continuou por mais duas horas com argumentos intermináveis,
que nos abstemos de reproduzir aqui!  

Finalmente, o homem tomou a palavra, e como HOMEM da CASA,
decidiu de forma IRREVOGÁVEL, com a seguinte frase lapidar:
- Pronto, vai a TUA mãe, não se fala mais nisso!

Lá preparam as malas, embarcaram no avião, e foram os três,
homem, mulher e sogra, para a Israel, visitar a Terra Santa.

Quando chegaram a Jerusalém, durante as visitas aos locais 
históricos estava onde Cristo passou há 2000 anos, em particular
os locais da paixão e da crucificação de Jesus, quando de repente
a sogra, emocionada, sente-se mal e desmaia.

Levaram a velha para o hospital, onde ela acaba por falecer.
O marido conversando com o pessoal do hospital, para ver o que ia 
fazer, perguntou quanto custava o enterro em Jerusalém.
Disseram que seriam uns 1.000,00 €.

De seguida perguntou quanto ficaria para transladar o corpo para 
Portugal. Responderam que com o transporte e tudo ficaria em 
10.000,00 €.

O marido então disse aos responsáveis do hospital para preparem 
o corpo e o enviarem para Portugal.

O pessoal do hospital e a esposa olharam espantados para ele 
sem entender, e perguntaram qual o motivo para mandar o corpo para 
Portugal se é muito mais caro?

O marido respondeu:
- Vocês já tiveram um caso de ressurreição aqui; 
  prefiro não arriscar...

terça-feira, 22 de maio de 2018

Foto de Raul Oliveira Alves.
Foto de Marilia Teles Menezes.
IPOD alentejano

Até que enfim que percebi o que é isso do "iPOD"!

Os primos da cidade foram passar o Natal com os parentes alentejanos .
Alguns dias após o Natal, estava o primo da cidade a fazer alarde dos presentes que tinha ganho.

- Primo, viste o  que eu ganhei de presente? Um 'Ipod' espectacular e ainda por cima da melhor marca do mercado !

O primo alentejano respondeu :
- Bom primo, muito bom !!! Mesmo muito bom...

Aí o da cidade perguntou :
- E o que foi que tu ganhaste?
- Ganhei o mesmo que tu.
- Mas, quem te deu ?
- A minha prima, tua irmã...
- Foi mesmo ?
- Foi. Estávamos no ribeiro nadando nus. Cheguei por trás, encostei-me a ela e perguntei :
- Posso?

Ela virou-se e disse :
- "Aí Pode!". É bom demais primo! Agora, se tem marca, não sei... nós no Alentejo chamamos-lhe "Cú"!